terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Escritores de S a XXL


Uma má ideia

  Numa manhã estava a Dona Teresa a preparar umas das suas famosas compotas de pera quando, de repente, o seu filho Bruno se aproximou e disse:
 - Já vi que me vou deliciar com umas das tuas famosas compotas!
A Dona Teresa olhou para ele e exclamou:
 - Sim, tu vais poder deliciar-te, porém eu estou a fazer esta compota para sobremesa, por isso, vais ter de esperar!
 - Está bem. - concordou o rapazito desanimado.
  A Dona Teresa, sendo mãe daquela peste, sabia que, por de trás daquele ar triste, estava um grande traquina e, quando ela não estivesse presente, comeria a compota.
 Enquanto pensava nisto, pegou num banco que estava perto, foi até ao corredor onde havia um armário gigante e colocou o pote da compota em cima.
 Bem, o Bruno ficou a olhar, pensando como poderia chegar lá, sem ninguém se aperceber.
 Passado algum tempo estava ele sentado ao pé da porta a jogar no tablet quando viu a mãe aparecer, com a chave na mão, pronta para sair de casa.
 Sem saber o que se estava a passar, perguntou:
- Aonde é que vais, mãe?
- Vou aos correios levantar uma encomenda.
  Dito isto, saiu porta fora.
 O Bruno nem pensou duas vezes, foi até ao corredor onde estava a compota e espreitou para ver se o pai estava distraído, e, como sempre, ele estava com a cabeça enfiada no jornal.
 Depois de se assegurar que tinha o caminho livre, o Bruno pegou num banco e numa cadeira, colocou um em cima do outro, e começou a subir.
 Quando estava quase a chegar ao pote, sentiu o banco a deslizar, e quando deu conta já estava no chão a chorar. Chorava tanto que nem se apercebeu que o pai já estava junto dele.
 O pai ao ver aquilo só se interrogava sobre como é que tudo tinha acontecido.
 O Bruno nem esperou que o pai falasse, entre soluços começou a contar a história toda.
 O pai depois de ouvir aquela odisseia, disse:
- Da próxima vez, vê se dás ouvidos à tua mãe!
 O rapaz depois de ouvir o sermão só conseguia pensar que tinha sido uma má ideia ter desobedecido à mãe.

Maria Guedes, nº 13, 5.ºB

terça-feira, 11 de fevereiro de 2020

Sessão "Um like que te pode desmanchar o smile"

Os alunos do 10º C viram e ouviram os testemunhos de quem foi apanhado na "rede".
A não perder, a grande reportagem "Queimados na Rede", no site RTP Ensina. Para ver, basta clicar aqui.

Juntos por uma internet melhor

A Internet é fruto do que fazemos com ela. Usa-a de um modo responsável.

Concurso Nacional de Leitura

Parabéns a todos os alunos que participaram na fase concelhia do Concurso Nacional de Leitura.
A tarefa do júri não foi fácil, uma vez que todos os alunos tiveram uma prestação exemplar.
Espera-nos a fase intermunicipal.






quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

Palestra com o Dr. Maia Marques

Um percurso pelos Forais e, em particular, pelo Foral da Maia, permitiu-nos compreender e conhecer melhor a história das nossas gentes e do nosso território.



Sessão com a deputada Márcia Passos

Momentos de partilha e diálogo muito produtivo sobre a democracia, o funcionamento do parlamento e a violência doméstica, com a deputada Drª Márcia Passos e os alunos do ensino secundário.
Agradecemos a sua presença e o valor que aportou a esta causa.


segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

75 anos depois de Auschwitz

Em memória das vítimas do Holocausto

"O mundo falhou com aqueles que morreram e com aqueles que continuam sofrendo em razão do Holocausto. Não podemos falhar com eles novamente, permitindo que suas histórias sejam esquecidas."
António Guterres, secretário-geral da ONU





quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Escritores de S a XXL

                      "A amizade não tem preço"

   A amizade é inegavelmente valiosa, preciosa e insubstituível e, por estas razões, considero que não tem preço e que deve ser cuidadosamente preservada. Penso que a verdadeira amizade é difícil de encontrar porque, nos nossos dias, as pessoas tornaram-se demasiado egocêntricas e individualistas.    Porém, quando a descobrimos, é sem dúvida uma experiência única!
   Para começar, ter um amigo verdadeiro permite-nos partilhar e dividir os problemas, as angústias e as nossas dificuldades.
   Além disso, a genuína amizade contribui também para que tenhamos a oportunidade de desabafar com alguém de confiança, não nos julgue indevidamente.
   Por outro lado, ter amigos assegura a existência de alguém que se preocupa connosco e que nos acompanha incondicionalmente.
  Para concluir, o sentimento da amizade permite dividir alegrias e momentos de felicidade, contribuindo para o nosso bem-estar.
   Assim, a vida de cada um torna-se mais colorida, interessante e aconchegante quando é vivida na companhia de verdadeiros amigos.


  

Trabalho realizado por: grupo 1, 6º ano, Português

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Exposição "O Foral da Maia Viaja"

A exposição “O FORAL DA MAIA VIAJA” propõe-nos um percurso pelos Forais e pela sua história, desde os que foram conferidos pelos nossos primeiros monarcas até aos que foram outorgados pelo rei D. Manuel I, após uma ampla reforma daqueles documentos, com destaque para o Foral da Maia dado a 15 de dezembro de 1519.
De 13 a 31 de janeiro, a visitar na biblioteca escolar.




segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Educação para a Cidadania



Trabalho realizado pelos alunos do 9º B.

Escritores de S a XXL

A fitinha…
A poucos dias da véspera de natal, decidi montar a árvore para essa época festiva. Por entre tantos e tantos enfeites encontrei uma fitinha vermelha, que me despertou a atenção. Estava já um pouco desbotada, mas parecia ter algo de especial. Peguei nela, fiz um enorme laçarote que coloquei bem no topo do pinheirinho.
Perguntei aos meus pais qual a sua proveniência porque nunca antes eu a tinha visto. A minha mãe não sabia como é que ela tinha ido parar ao caixote das bolas, dos anjinhos, das estrelas, das grinaldas, quase sempre guardado na arrecadação, mas tinha ideia a quem pertencia.
Então, o meu pai disse-me que o meu avô gostava de coleções: de selos, de moedas, de porta-chaves e…de fitas! Tinha-as de mil e muitas cores! Mas, de todas elas uma era especial – a vermelha que, não raras vezes, ele trazia no bolso, acreditando ser portadora de sorte!
Então tomei uma decisão! Todos os anos, por esta altura, iremos colocá-la no topo da árvore, para que nos dê sorte também!

Letícia Santos, 9ºA, nº11

quarta-feira, 15 de janeiro de 2020

Encontro com contadora de histórias

A contadora de histórias Ana Esteves esteve na biblioteca da Escola, encontrou-se com os alunos do 5º e 6º anos e apresentou as obras "A Viúva e o Papagaio" e "Ali Babá e os quarenta ladrões."
Foi com muito prazer que os alunos se envolveram nesta experiência mágica da leitura e das histórias.

Sessão com deputado José Soeiro

No âmbito do projeto Parlamento dos Jovens do Ensino Básico, subordinado ao tema "A Violência Doméstica", realizou-se na biblioteca da escola uma ação/debate que contou com a presença dos alunos do ensino básico e do deputado da Assembleia da República, Dr. José Soeiro. Esta sessão foi muito enriquecedora, pois proporcionou a exploração do tema e permitiu conhecer melhor o funcionamento do Parlamento.








segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

quarta-feira, 8 de janeiro de 2020